Como consertar lâmpada de LED queimada ou piscando

Como consertar lâmpada de LED que fica piscando sem parar ou queimada é uma dúvida muito comum entre os consumidores mais curiosos, que gostam de economizar. Afinal, apesar da promessa de vida útil mais longa para esses produtos, podemos notar que na verdade nem sempre isso acontece.

Isso porque, muitas lâmpadas de marcas conhecidas no mercado, costumam queimar com frequência. E acabam sendo descartadas, pois a maioria das pessoas não sabe que há uma forma de recuperá-las.

Se você tem interesse em saber como consertar lâmpada de LED, saiba que existem diversos fatores que podem ocasionar a queima de uma lâmpada, mas que a mais comum é a queima de apenas 1 ou 2 LEDS, e que isso é simples de resolver.

Veja a seguir como é possível recuperar uma lâmpada de LED em casa sem ter conhecimento avançado em eletrônica.

Como consertar lâmpada de LED queimada em 5 minutos

Ao contrário das lâmpadas fluorescentes ou incandescentes que param de funcionar devido a uma sobrecarga de energia ou fim da vida útil e não têm mais conserto, as lâmpadas de LED geralmente não acendem por causa de um dos LEDS do circuito em série que queimou. Ou seja, como o funcionamento é completamente diferente e mais moderno, existe a possibilidade de consertá-las facilmente.

Então, ao invés de jogar no lixo a próxima lâmpada de LED que queimar, conserte utilizando apenas uma chave de fenda, alicate de bico ou estilete, estanho e ferro de solda.

O processo de reparo é simples e rápido de fazer, veja e aprenda!

Alguns desses materiais você já deve ter em casa, outros provavelmente precisará adquirir, como é o caso do ferro de solda, que custa aproximadamente R$ 20,00 e o estanho que custa em torno de R$ 5,00 em lojas de material elétrico.

Considerando os valores de uma lâmpada de LED nova e a frequência com que elas queimam, podemos dizer que vale a pena investir nesse material.

Como pôde perceber, o primeiro passo para consertar uma lâmpada de LED é abrir com cuidado para identificar os LEDS queimados. Que geralmente se destacam entre os demais com um pequeno ponto preto.

Lembrando que nem sempre é possível fazer a identificação de todos os LEDS queimados por meio dessa cor escura, e que nesse caso é necessário realizar um teste em cada LED separadamente, utilizando 2 fios condutores e uma bateria, para descobrir quais estão funcionando.

Após a identificação do LED queimado, é preciso removê-lo delicadamente com um estilete ou alicate de bico. Nesse momento é necessário certo cuidado para não danificar as outras partes da lâmpada.

Feito isso, basta derreter o estanho para soldar os terminais, exatamente no mesmo local onde estava o LED queimado. Dessa forma, a lâmpada volta a funcionar normalmente. Sendo que o recomendado é trocar no máximo 6 LEDS.

Para terminar completamente o reparo da lâmpada só é necessário remontar a base.

como consertar lâmpada de led
(Imagem: Youtube)

Em relação à vida útil da lâmpada após o conserto, pode-se dizer que apesar da durabilidade se tornar um pouco abaixo do que as especificações do fabricante, ainda assim continua sendo maior do que os modelos de lâmpadas antigas.

Isso porque a tensão que alimenta a lâmpada é redistribuída pelos LEDS que sobraram, e estes passam a trabalhar com uma tensão maior do que a original de fábrica.

Enfim, mesmo após o conserto a vida útil continua sendo longa.

Leia também: Autorizada Consul Fortaleza: Contatos

Como consertar lâmpada de LED que fica piscando

Além de ter como consertar lâmpada de LED queimada, há também como consertar lâmpada de LED que fica piscando sem parar.

Assim como no modelo mostrado anteriormente, esse defeito também é comum e pode ser reparado com facilidade. Ou seja, dá para economizar dinheiro fazendo o reparo em casa.

Então, veja agora como consertar lâmpada de LED piscando, basicamente com os mesmos materiais utilizados no passo a passo anterior.

A dica da vez é abrir a lâmpada de LED da marca Ourolux com o auxílio de um martelo, dando pequenas batidas na divisão central.

E no caso do reparo de uma lâmpada piscando, todos os LEDS estarão funcionando, ao contrário de uma lâmpada queimada. Sendo assim, o problema é a fonte, mais especificamente no capacitor eletrolítico, que custa em torno de R$ 2,00.

As especificações ficam localizadas na lateral da peça e precisam ser iguais as da que você irá comprar para evitar maiores problemas.

Saiba ainda: Drivers Acer: Download, Instalação

Mesmo sendo simples, a técnica de reparo de uma lâmpada possui vários detalhes e pode ser um pouco complicado para as pessoas que não tem o hábito de fazer esse tipo de trabalho. Portanto, fique atento ao passo a passo ensinado para não errar nada.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *